30 Novembro “Cidades pela Vida – Cidades Contra a Pena de Morte” Moura associa-se a este dia
Publicado | 2018-11-30 04:03:16
 
A Câmara Municipal de Moura associa-se ao projecto internacional “Cidades pela Vida – Cidades Contra a Pena de Morte”, hoje, dia 30 de Novembro, data da primeira abolição da pena capital.
 
A vereadora da autarquia mourense, Lurdes Balola disse à Planície que “o município vai participar na iniciativa com a iluminação do edifício dos Paços dos Paços do Concelho e será afixada, nas janelas do rés-do-chão, a Declaração Universal dos Direitos Humanos, como forma de sensibilizar para a urgência de pôr termo à prática desumana da pena capital no panorama jurídico e penal dos Estados.” Lurdes Balola acrescentou ainda que “o evento surgiu, pela primeira vez em 2002, por iniciativa da Comunidade de Santo Egídio, para assinalar o aniversário da primeira abolição da pena de morte da História, que ocorreu no Grão-Ducado da Toscana, em Itália, no dia 30 de Novembro de 1786. Portugal foi o segundo estado moderno do Mundo a abolir a pena de morte.”

Como um acto simbólico, a Comunidade Santo Egídio convidou as cidades aderentes a iluminar um edifício público, celebrando deste modo a vida em oposição à pena de morte.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
14 16
6 6
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda