PS de Serpa acusa Câmara de não cumprir promessas eleitorais
Publicado | 2018-09-11 04:00:19
 
O executivo CDU tem sempre uma explicação e a culpa é sempre de terceiros, mas o facto é que as obras tendem a prolongar-se no tempo ou nunca existirem.
 
A afirmação é do PS de Serpa em relação às obras no Concelho de Serpa, prometidas pelo executivo camarário. O vereador do Partido Socialista na Câmara de Serpa, Manuel Soares explicou a situação à Planície.

Segundo o vereador são várias as promessas que não foram cumpridas e outras que embora iniciadas nunca mais terminam, e dá exemplos.

“Praia fluvial, promessa eleitoral que nunca chegou a ser cumprida.
Piscinas de Vila Nova de São Bento, promessa eleitoral por cumprir.
Ciclovia, entre a piscina coberta e o Rio Guadiana (Azenha da Ordem), promessa eleitoral, não vai ser concluída. Do projecto inicial de cerca de 840 mil euros foram executados apenas 20% (172.500€), chegando apenas até próximo da horta das Melrinitas.

Passadiços do Pulo do Lobo, promessa eleitoral, não iniciado e sem existir certeza sobre a sua concretização. Aqui tal, como no anterior não foram devidamente acauteladas as autorizações e acordos com os proprietários das terras das quais a viabilidade dos projectos dependem.

Na expressão popular, “andaram com a carroça à frente dos bois”.
Obras na Escola Primária de Brinches com data prevista de conclusão no final de 2017, mas ainda em curso no início deste ano lectivo.
ETAR de A-do-Pinto, data prevista 30 de Abril, mas continua por entrar em funcionamento em Setembro.

ETAR de Vales Mortos, data prometida quando o caso veio a público, 30 de Junho, mas continua por entrar em funcionamento em Setembro.

Salvo algumas excepções o padrão existente é de que as obras não são realizadas ou levam muito, muito tempo para além do previsto.” Perante esta situação o PS de Serpa resolveu em comunicado dar a conhecer o que se está a passar.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
15 14
10 8
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda