Apesar da chuva não é provável que Alqueva atinja a cota máxima este ano
Publicado | 2018-04-12 04:24:05
 
Os próximos dias continuarão a ser de chuva, o que irá contribuir para a regularização das reservas de água em Portugal, após cerca de três anos de seca. No Alentejo, a Barragem de Alqueva registava na última terça-feira, dia 10, às 23 horas, uma cota de 148,88, muito perto da sua cota máxima de 152 metros.
 
A chuva registada em Março fez com que, no caso de Alqueva, o armazenamento de água aumentasse em cerca de 750 milhões de metros cúbicos, o que representou um aumento da cota em cerca de 4 metros, tal como explicou na Rádio Planície José Pedro Salema, Presidente da Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva.

O mesmo responsável avançou ainda que apesar da chuva prevista para este mês de Abril não é espectável que se atinja a cota máxima do Grande Lago, neste ano de 2018.
 



Leia esta notícia na integra na edição impressa do Jornal «A Planície»
Untitled Document Untitled Document Untitled Document
14 16
6 6
 
 
 
 
 
 
 
 
Untitled Document
 
    © 2015 - Sociedade Editorial Bética, Lda