2013-01-21 05:48:00

Moura com maior taxa de natalidade do distrito

É um facto que a taxa de natalidade tem vindo a decrescer no nosso país. No anos 60 eram cerca de 200 mil os bebés que nasciam em Portugal, número que caiu para metade, em 2012, com a particularidade de serem menos os que nascem do que aqueles que morrem. A conjuntura económica, a falta de apoios à natalidade, o facto de os casais assumirem a parentalidade cada vez mais tarde, são factores que podem justificar esta baixa de natalidade no nosso país. O distrito de Beja não foge à regra e também na nossa região se tem verificado uma diminuição do número de nascimentos. No caso concreto de Moura, em 1981, a Taxa Bruta de Natalidade, ou seja o número de bebés que nasciam por cada 1000 habitantes, era de 14,4. Um número que baixou para 9,8 em 2011. Ainda assim, é de referir que o nosso concelho, em 2011, era aquele que apresentava a taxa de natalidade mais elevada do distrito de Beja.




   
Leia esta e outras notícias na integra, na edição impressa do Jornal A Planície.

 



 
 
Nome:

Email:

Sugestão:

 
Email:

ok