2012-04-17 05:32:00

Terras do Estado já podem ser arrendadas

A ministra da Agricultura deu início, ontem, no Alentejo, ao concurso de disponibilização de terras do Estado para o cultivo através de contratos de arrendamento. Nesta primeira fase, são 600 hectares de terra que restam da reforma agrária. A ministra da agricultura, Assunção Cristas, pretende que o processo seja dinâmico. “À medida que temos terra que é identificada, no caso estas que ainda vêm da reforma agrária que estão disponíveis, colocamo-las para os mais jovens agricultores.” “De hoje para amanhã, estamos a fazer o levantamento, que está já praticamente terminado, das terras das direcções regionais e colocamo-las também. Entretanto, a bolsa de terras está no Parlamento vai ser aprovada. A partir daí, tudo o que o Estado identificar como estando disponível põe através da bolsa de terras”, explica a ministra. O Governo pretende "contribuir para o aumento da produção nacional" no sector agrícola e, por outro lado, combater o abandono de terras.




   
Leia esta e outras notícias na integra, na edição impressa do Jornal A Planície.

 



 
 
Nome:

Email:

Sugestão:

 
Email:

ok