2009-08-27 07:10:00

Cáritas Diocesana de Beja prevê agravamento de pedidos no Outono

Apesar de ter sido anunciado que a economia portuguesa inverteu a tendência de queda, ao crescer 0,3 por cento no segundo trimestre do ano em relação aos três meses anteriores, os pedidos de ajuda continuam a aumentar na Cáritas Diocesana de Beja, prevendo-se que a situação se mantenha durante os próximos tempos. Teresa Chaves, presidente da instituição, traça o panorama da realidade que se vive no distrito de Beja, “…temos tido um constante aumento de pedidos de ajuda [quer em termos financeiros, quer em géneros alimentares] (…), eu penso que ainda continuará durante algum tempo a tendência de aumento, porque mesmo que a economia esteja a estabilizar, ainda irá demorar um pouco até sentirmos esses efeitos…”. Os pedidos de ajuda das famílias do distrito de Beja continuam assim a aumentar na Caritas Diocesana de Beja, apesar do anúncio recente de que a economia portuguesa está a sair da recessão.  

   
Leia esta e outras notícias na integra, na edição impressa do Jornal A Planície.

 



 
 
Nome:

Email:

Sugestão:

 
Email:

ok